Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2013

Opinião formada sobre tudo

Se a sua desculpa para não ler o Paradoxo Final é que é um blog que só fala de tecnologia, então você não tem mais desculpas. Eis aqui uma relação dos principais artigos sobre assuntos que não envolvem tecnologia no Paradoxo Final: Tipos de motoristas Melancia atômica Top 5: Vilãs preferidas Porque eu não gosto de sites de compra coletiva Cerveja e guardanapo molhado Tipos de comentaristas Prometheus, incentivo à pirataria e a mágica dos trailers Como gelar sua cerveja favorita Medo de voar? Agora tenho! Engarrafamento na BR-101 Baixo índice de acidentes no Brasil Tipos de passageiros nos ônibus Análise de perfil através do papel de parede do celular Kasparov contra o mundo Heróis, vilões, anti-heróis e afins Loira gelada OVNI Matemática e cerveja

Novos radares na BR101?

Imagem
Já vi esse tipo de poste em três locais na BR 101: em Balneário Camboriú, km 137 norte, São José, km 198 sul e km 203 norte). Acho que não é radar, pois os três estão localizados algumas centenas de metros antes de passarelas e perto de placas que falam sobre o excesso de altura. O que me leva a concluir que devem ser sensores de altura. De todo modo, vou ficar atento e se tiver alguma novidade posto aqui.

Facebook Home? Não, obrigado.

Imagem
Parece que o Facebook Home  (nova tela inicial, com foco total no aplicativo) ainda não caiu nas graças do público. A maioria das análises olha o número de instalações, que realmente foi alta. Entretanto, se formos olhar a qualidade, a coisa muda de figura. Tem muito usuário reclamando. Um ponto que me chamou a atenção é que o Facebook Home é muito pesado e está deixando o acesso a outros aplicativos bem mais lento. Isso que o download só está disponível para aparelhos top (Samsung Galaxy S III, Samsung Galaxy Note II, HTC One X e HTC One X+). Não sei se no iPhone o problema é o mesmo, só sei que no Android o Facebook ainda patina, pois seus aplicativos são sempre pesados.

Um elogio, pra variar

Imagem
Dizem que só falamos, que só abrimos a boca, quando a coisa está ruim. Em outras palavras, somos uns reclamões! Só para contrariar, vou fazer um elogio. Depois que saí da Tim (e migrei para a Vivo), meus problemas acabaram. O sinal é bom, as ligações não caem mais e se completam na primeira tentativa. Enfim, está funcionando como deveria. Além disso, o plano de dados é bem melhor, saí de 1 Mbps com limite 300 MB por mês e fui para 3 Mbps com limite de 1 GB por mês. O melhor de tudo que a velocidade de 3 Mbps é respeitada (e às vezes, até extrapolada):

Escondendo arquivos de mídia no Android

Imagem
Imagine a situação: você baixou vários vídeos educativos da Suécia e não quer que eles apareçam na Galeria, pois outra pessoa pode ver (e achar você um depravado excêntrico). O que você pode fazer? Basta criar um arquivo com o nome  .nomedia  dentro da pasta desejada que a Galeria não irá mais mostrar. Tá, mas como criar esse arquivo? Primeiro, instale o File Manager . Depois, navegue até a pasta que deseja esconder e pressione "Create". Depois, selecione "File", digite o nome do arquivo (.nomedia), e pressione OK. Está feito. Observações: 1. Pode demorar algum tempo para parar de mostrar o conteúdo a pasta. Se isso ocorrer, abra e feche a Galeria algumas vezes, até funcionar. Imagino que a Galeria demore um pouco para atualizar o cache. 2. A pasta e os arquivos nela contidos ainda podem ser acessados normalmente via USB ou por um aplicativo do tipo File Manager, portanto, use com cuidado (se é que você me entende). 3. Para reverter a situa

Porque eu ainda não comprei um eReader

Fico imaginando a situação: depois de pesquisar e analisar os modelos disponíveis, resolvo investir cerca de R$ 400,00 ou R$ 500,00 num eReader. Quando vou comprar o livro, descubro que só encontro o dito cujo no formato impresso. Que chato, não? Para não ficar só no campo da suposição, veja o o exemplo que segue. Os dois últimos livros que fui atrás foram: Sob a Redoma, de Stephen King e Micro, obra póstuma de Michael Crichton. Ambos só são encontrados no formato impresso. Nada de digital, seja na Cultura, Saraiva, Submarino, FNAC, Amazon, Google Play. Ah, que fique claro, sempre procurei em português, pois em inglês tem. Veja que não estou nem considerando preço, acervo, características do eReader, etc. São apenas dois livros pelos quais me interessei, mas que em português, só tem no formato impresso. Por essas e outras, vou esperar mais um pouco para comprar um eReader, pois não vou gastar meu dinheiro para ler essas pérolas .

Travamento no S3

Imagem
Olha, foram muitas idas e vindas, muitas tentativas em vão, muitas "desinstalacões" infrutíferas, enfim, muito tempo perdido. Mas parece, veja bem, parece, que agora encontrei o problema do travamento no S3. Durante um tempo eu pensei que o problema estava da opção de Economia de Energia, que eu deixo habilitada. Até teria algum sentido: ao reduzir ou aumentar o clock, o sistema poderia travar, ou algo do gênero. Mas depois de alguns dias o smartphone voltou a travar. Então eu iniciei um verdadeiro jogo de gato e rato. Comecei desinstalando os aplicativos que eu tinha alguma suspeita: Waze , Swiftkey, e vários outros. Aproveitei para fazer uma limpa e remover aqueles que não utilizava ou utilizava muito pouco. Reiniciei o aparelho mas o problema persistia. Meu próximo passo precisava ser mais drástico. E foi: fiz o root e passei alguns dias analisando os logs. Nada feito. Minha próxima tentativa foi tentar um wipe cache, que também se mostrou ineficaz. Nesse ponto e

Gerenciador de arquivos no Android

Em alguns posts eu falo em copiar, mover, deletar arquivos ou pastas, enfim, em operações com arquivos no  smartphone . E para não ter que toda vez explicar como fazer isso, resolvi criar um post que mostra como proceder. Você pode fazer isso de duas formas: 1. Conecte o seu smartphone ao computador e utilize o Explorer; 2. Utilize um gerenciador de arquivos no smartphone. S e você escolher a primeira opção, não é necessário continuar.  O primeiro passo é instalar um programa gerenciador de arquivos (equivalente ao Windows Explorer). Eu utilizo o File Manager . Mas se você utiliza outro a explicação abaixo talvez não se encaixe. Vamos às principais operações com arquivos: Navegar . Utilize as setas na toolbar e/ou clique nas pastas. Criar . Clique no botão "Create", na toolbar, para criar uma nova pasta ou arquivo. Copiar/Mover . Clique longo no arquivo ou pasta e no menu que aparecer escolha a ação (Copy/Move). Depois disso, navegue até a pasta de destino e c

Velocidade mínima (Vmin = Vmax / 2)

Você sabia que o CBT (Código Brasileiro de Trânsito)  diz que: Art. 219.Transitar com o veículo em velocidade inferior à metade da velocidade máxima estabelecida para a via, retardando ou obstruindo o trânsito, a menos que as condições de tráfego e meteorológicas não o permitam, salvo se estiver na faixa da direita: Infração - média; Penalidade - multa Para quem acha que isso é besteira, que só é preciso multar quem anda rápido, peço que vá para a BR101, numa sexta-feira, às 18:00 e tente, repito, tente trafegar a 40 km/h. Pensando bem, não tente fazer isso. Isso me faz pensar: por que as lombadas eletrônicas não multam quem passa abaixo da velocidade mínima? Será mais um dos grandes mistérios da humanidade ? Mais uma coisa: é claro que se estou escrevendo isso é porque cruzei com um infeliz desses!

OVNI sobre Florianópolis

Imagem
Hoje, voltando do almoço (por volta de 12:50), eu e mais três colegas de trabalho, avistamos um OVNI sobre Florianópolis. Infelizmente estava apenas com o celular, por isso a foto não permite uma melhor análise. Não consegui determinar o que era, mas dava para perceber que tinha a forma cilíndrica e estava posicionado sobre o maciço do Morro da Cruz. Durante todo tempo (menos de 5 minutos) ele não se moveu mas às vezes parecia girar no próprio eixo. Eu apostaria num balão metereológico ou talvez num balão da polícia (nem sei se a polícia daqui tem algo do gênero). O interessante é que ontem mesmo eu li um artigo sobre a diminuição dos avistamentos de OVNIs . Bem, enquanto eu não souber o que era, ainda é um OVNI (Objeto Voador Não Identificado).

100.000 visualizações!

Imagem
Pois é, ontem o Paradoxo Final atingiu a marca de  100 mil visualizações! Para quem está de fora, pode não parecer muito, afinal nos dias de hoje qualquer site consegue ultrapassar isso com folga. Mas para quem escreve é muito gratificante saber que seu trabalho é visto por outras pessoas. Isso é o que me motiva a continuar escrevendo. Falando nisso, se você tiver uma sugestão para um post, envie para mim. Para me contactar é só acessar a página de contatos . Desde o longínquo 23 de junho de 2009, quando iniciei o Paradoxo Final com o post Exemplos de uso do Nircmd  até hoje, foram publicados exatos 316 posts (com este). Alguns bons , outros nem tanto . Eis uma visão geral do que foi até hoje o Paradoxo Final: Os posts mais acessados são: Como remover os anúncios "ads not by this site" , 3569 acessos. Samsung Galaxy S III - micro-SIM , 2981 acessos.6 Localização dos radares na BR-101, entre Balneário Camboriú e Florianópolis , 1656 acessos. Upgrade: Defy com Cya

O paradoxo da rua 2550

Imagem
Pergunte a qualquer pessoa que more em Balneário Camboriú, qual é a pior rua para dirigir, que a resposta em 90% dos casos é: a rua 2550. Rua 2550, entre 4ª e 3ª avenidas Como é que numa rua (de mão única e duas pistas) cujo semáforo fica mais tempo aberto para a direita, a pista da esquerda anda mais rápido? Repare na foto acima que o sinal está vermelho para a pista da esquerda e verde para a da direita, logo o trânsito deveria fluir melhor na pista da direita, mas não é o que ocorre. Esse estranho paradoxo tem uma explicação: os espertinhos ficam na esquerda e tentam mudar de faixa somente perto do semáforo. Como tem gente boazinha nesse mundo, eles deixam o camarada entrar e aí a fila da esquerda começa a fluir mais que a da direita. Já vi esse fenômeno diversas vezes na BR101: a pista que está bloqueada anda mais rápido que a que está livre! É incrível, mas é verdade.

App do dia: Battery Circle

Imagem
Algumas versões do Android não possuem, de modo nativo, um indicador do percentual do estado da bateria. E convenhamos, conviver com apenas 3 posições: cheia, quase cheia, metade e quase vazia não dá. SIM, eu sei que disse 3 e enumerei 4, mas é que a cheia dura tão pouco que para alguns nem aparece! Mas existem várias soluções no Play Google. A que uso no meu tablet, é o Battery Circle . É um app bem simples e que traz a opção de temas (são 6) para a apresentação do estado da bateria. Além disso, o visual é limpo e bonito. Se você tem outra alternativa, avise!