Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2011

Música do Top Gear

Imagem
Quem ainda não ouviu falar do lendário jogo de corrida para SNES chamado Top Gear? Foi desenvolvido no em 1992 e um dos maiores sucessos de vendas na época. O jogo era viciante e a trilha sonora inspiradora. E ficou ainda melhor na interpretação do Vinheteiro . Além disso, o jogo tinha (ainda tem, pois até hoje não foi solucionado) um "mistério" que é de onde foi tirada a foto (ver abaixo) do menu inicial antes de iniciar o jogo. A pista tem a forma de U e é cercada de vários prédios. Dica enviada por Gustavo Setta. Fonte: Wikipédia e MobyGames

Make a Wish

Odeio quando vejo gente que tem boas (se não todas) oportunidades na vida e vivem reclamando. Essas pessoas deviam ver o exemplo abaixo. Existe uma fundação chamada Make-a-Wish Foundation   (para ver o site brasileiro clique aqui ), cujo objetivo é realizar o desejo de crianças que têm a vida ameaçada por alguma doença. Os desejos, são desejos de crianças, como pilotar um avião, ter um dia de princesa, ter um dinossauro, etc. O mais legal, é que com o envolvimento de diversas pessoas, os sonhos se realizam. Reparem: com o envolvimento de diversas pessoas . São voluntários, pessoas físicas e jurídicas, que abrem mão do seu tempo, para ajudar a realizar os sonhos dessas crianças. Veja dois exemplos, aqui e aqui . Só isso.

Para quem nunca viu um

Imagem
Lendo uma matéria, descobri que as máquinas de escrever vão deixar de ser fabricadas . Ano passado foi a vez da Sony informar que iria parar de fabricar disquetes. Máquina de escrever Disquetes 1.44" Tá, e daí!? Calma, gafanhoto. Daí, que muita gente nunca viu (quanto mais utilizou) tanto um quanto outro. E as fitas VHS? Alguém sabe se ainda são locadas? Lembro que existia até um rebobinador para rebobinar (dã) as fitas antes de devolvê-las à locadora. Fita VHS Rebobinador Outro ícone dos anos 80/90 foi a fita cassete. Meu primeiro computador foi um TK 2000 , com o chip 6502 da Motorola, com incríveis 64 K (isso mesmo, Kbytes) de RAM, mas que descontando a memória de vídeo e do S.O., acho que sobravam uns 35 K. Para ganhar espaço, programava em Assembler ou até mesmo em linguagem de máquina . O meio de armazenagem era  fita cassete. Não era fácil acertar o volume e os graves e agudos (quando tinha) para carregar um programa. Às vezes perdia-se muito tempo niss

Como recuperar arquivos deletados

Existem softwares que recuperam de maneira muito simples arquivos deletados. Estejam eles no micro, no pen-drive ou na máquina fotográfica. Utilizo o Recuva que é estável e possui versão para 32 e 64 bits. Já testei com Windows XP, Windows 2003 Server, Windows Vista e Windows 7. O importante, caso você deseje recuperar um arquivo é utilizar o menos possível o drive, pen-drive ou máquina fotográfica (na verdade qualquer mídia regravável) onde o arquivo está armazenado. Isso para que o Sistema Operacional (S.O.) não sobreescreva as informações de armazenamento do arquivo. Para recuperar o arquivo siga os passos abaixo e bom proveito: 1. Se o arquivo estiver no HD de seu micro, pule para o passo 3. 2. Plugue a mídia onde está o arquivo deletado. 3. Carregue o programa Recuva. 4. Selecione o Drive (caixa de seleção à esquerda, no topo). 5. Clique no botão "Scan" e aguarde (pode demorar um pouco, dependendo do tamanho da mídia). 6. Selecione o arquivo desejado e cliqu

O iPad substituirá os netbooks?

Já ouvi Macfags pessoas comentando que o iPad irá substituir o netbook. Bom, vamos aos fatos. Segundo essas pessoas, com a expectativa de queda de preços (hahaha, só acredito vendo) do iPad para até R$ 800,00, conforme declarou Humberto Barbato, presidente da Associação Brasileira da Indústria Elétrico-Eletrônica (Abinee), a tendência é que os netbooks sejam substituídos pelos iPads porque... bem porque são mais bonitos? Dão mais status? É mais difícil de digitar um texto num iPad? Brincadeiras à parte, explico minha desconfiança: o preço atual de um iPad é de cerca de R$ 1.700,00. Se diminuir o PIS/Cofins de 9,25% para 0% (conforme previsto na Medida Provisória 517), o preço cairá para R$ 1.542,75. Mesmo assim, o valor continua quase o dobro do estimado. Claro pode poderá haver redução em outro item qualquer. Mas cair pela metade? Sem falar que o Custo Brasil é maior que o "Custo China" (para se ter uma ideia segundo um estudo   da Abimaq o mesmo produto fabricado no

Backup

Procurei, durante muito tempo, um programa que fizesse o backup dos meus documentos. Testei vários e nenhum atendeu as minhas necessidades (que basicamente são simplicidade e confiabilidade). O que mais se aproximou foi o Cobian . É um software opensource, simples de usar mas que infelizmente tinha alguns bugs. Resolvi então criar a minha própria solução de backup. Ela utiliza 3 programas diferentes: um compactador, no caso o RAR.EXE (esse é o programa que executa no DOS e não no Windows); um aplicativo que criei para manter as n últimas versões do backups e que não por acaso tem o nome de MANTER.EXE ; e um programa .BAT que é a parte principal do processo. Além desses arquivos existem mais 2: o BACKUP.INC e o BACKUP.EXC que são respectivamente a lista de inclusão e de exclusão do backup. Programa BACKUP.BAT: @echo off set drive=c: set pasta=user\app set pastaBkp=user\backup %drive% cd\%pasta% if exist %drive%\%pasta%\backup.err del %drive%\%pasta%\backup.err %drive%\%pasta

Como esconder uma janela no DOS

Muitas vezes quando criamos um arquivo .BAT ou .CMD, queremos executá-lo em background . Esse problema é muito fácil de se resolver se utilizarmos o NirCmd , que é um pequeno utilitário de linha de comando que possui dezenas de funções interessantes, algumas já citadas aqui . O primeiro passo é dar um "título" à sua janela. Para isso utilize o comando:     title NOME_DA_JANELA Depois, basta esconder a janela com esse título, com o comando:     nircmd win hide title "NOME_DA_JANELA" Fácil, não? Atenção apenas ao fato que no nircmd existe aspas no nome da janela e no comando title não. Além disso, essas linhas devem ser as primeiras do arquivo.

Qualidade dos softwares e SOs

Como um bom fã de filmes de ficção, já imaginei como seriam algumas das invenções do universo fantasioso no nosso mundo real. E por consequência pensei em como utilizá-las também a nosso favor. Mas o que isso tem a ver com o título do post? Tudo! Pense comigo, aquelas naves enormes, com sistemas de reserva e backups, sistemas individuais para uso em outras atividades, como uma traje espacial completamente computadorizado, outras naves menores, etc e me diga qual software irá controlar tudo isso? De que adiantaria ter uma nave como a Enterprise (da série Jornada nas Estrelas) se não tivéssemos o computador que ela tem? Tudo bem que o hardware é vital, mas e o software para controlar esse hardware? Eu não confiaria minha vida a bordo de uma nave interestelar com um sistema freeware adaptado desenvolvido visando superar um concorrente pago e proprietário ou vice-e-versa. Não sou contra freewares nem softwares proprietários. Mas vejamos a qualidade do software que temos

Novo colaborador no blog

A partir de hoje, teremos mais um colaborador no blog: Gustavo Setta.  Inclusive, já fez sua primeira postagem (ver abaixo).

Endereço MAC da placa de rede

Estava em casa com dificuldades para conseguir conectar no meu roteador wireless e percebi várias outras redes disponíveis (claro que protegidas por senha). Mas existe sempre aquele newbie que quer aparecer para os amigos e dizer que só usa a internet do vizinho e que este nem sabe disso! Então me ocorreu uma ideia bem simples, filtrar o acesso à minha rede utilizando o endereço MAC das placas de rede. Para quem não sabe, o endereçamento MAC é algo característico da placa de rede. É um acrônimo para Media Access Control. Sendo único, não é possível encontrar 2 endereços iguais sem a utilização de subterfúgios e serve para identificar a própria placa/chipset. Se você tem um roteador mais recente, este deve possuir a opção de filtrar utilizando MAC. Isto serve para que somente os endereços MAC ali cadastrados possam ter acesso a sua rede. Para descobrir o seu endereço MAC no Windows 7 (meu caso), vá no Prompt de Comando (normalmente no Iniciar > Acessórios) e digite: ipconfig /a

Senhas mais utilizadas

Parece que a segurança não é levada muito a sério por algumas pessoas. Se você pesquisar no Google pelas senhas mais utilizadas verá uma lista mais ou menos como a que segue: 123 1234 12345 123456 1234567 12345678 111111 000000 654321 password abc123 qwerty 696969 master shadow test 121212 010101 123123 pricess [o próprio nome do usuário] Extrapolando para o ambiente corporativo, acrescentaria as seguintes: administrator guest root admin password temp share write full read files demo test access backup system server local As listas acima não possuem uma ordem de aparição nem qualquer conteúdo científico em sua elaboração. Mas, por experiência própria, posso dizer que essas listas são muito próximas da realidade. Antes que reclamem, sim, os termos estão em inglês, mas basta traduzir . Outro ponto falho são os softwares e hardwares que trazem uma senha padrão e não obrigam o usuário a trocá-la no primeiro acesso. Se você não obrigar o usuário a

Organização de pastas e arquivos no computador

Lendo o artigo Como organizar os arquivos e pastas no computador , do blog Efetividade.net resolvi mostrar como organizo o meu computador. Tenho uma pasta chamada ams (Alexandre Maciel Setta) que é a minha pasta raiz. Abaixo dela tenho a seguinte estrutura: app : aplicativos essenciais , normalmente são programas que não tem instalação (descompactar e usar). Crio uma pasta para cada aplicação, a menos que seja apenas o arquivo executável. Nesse caso, deixo sob a pasta \app . backup : pasta para armazenar o backup das outras pastas. Inclusive guardo os dados do Gmail. Eventualmente, gravo uma cópia num HD externo ou DVD. dev : são os programas que desenvolvo. Separo por linguagem: \c , \cpp , \delphi . doc : documentos diversos, como planilhas, textos, etc. inst : são os programas de instalação. Aqui faço uma separação por categorias, como: \dev (desenvolvimento), \driver (drivers instalados no micro), \internet , \iso , \multimidia , \segurança , \sistema (quando não se encaix

Desarmamento

Depois da tragédia ocorrida na escola no Rio, volta a tona o tema do desarmamento. Sem entrar no mérito do desarmamento, que sou contra, diga-se de passagem, existem outras medidas mais eficazes, como: monitoramento das redes sociais (já feito na Alemanha e EUA, com resultados muito bons) e punição aos alunos que fazem bullying . Queria que houve esse empenho todo contra os políticos corruptos ou contra os aumentos inexplicáveis de combustível.

Itaipu

Lendo essa notícia do G1  fico pensando com meus botões: esses US$ 240 milhões que iremos pagar ao Paraguai irão sair da verba destinada aos nossos congressistas? É claro que não! Vai sair do seu bolso, do meu bolso. O Brasil está cheio de desigualdades e problemas e agora vai querer bancar o bonzinho com o Paraguai? Resolva primeiro seus problemas e depois sim, quando estiver com saúde, educação, saneamento em dia, aí sim, pode pensar em fazer caridade. Até mesmo porque, até onde eu sei, o Paraguai não dá a mínima para o Brasil (vide exemplo dos carros roubados aqui e que as autoridades paraguaias colocam mil dificuldades para o dono recuperar). Além disso, se pensarmos mais a fundo, o problema não é nem de caridade. É de burrice mesmo, pois em 2023 quando termina o contrato, 50% da Itapu binacional, será repassada ao Paraguai, um negócio de, em valores de hoje, US$ 30 bilhões. A partir dessa data o Paraguai passará a vender a energia excedente pelo preço extorsivo de mercado. Al

Duração da bateria, smartphones e celulares

Imagem
No blog oficial na Nokia, foi feita uma pesquisa sobre o que seria mais importante que a duração da bateria. As principais respostas foram: - 38% acham a bateria o ponto mais importante; - 25% consideram a conectividade (3G e WiFi); - 17% sacrificariam a bateria em troca de multimídia; - 13% preferem uma tela grande; - 7% priorizam o tamanho. Essa pesquisa, informal é verdade, pode ser comparada com outra , também informal, que mostra que a prioridade (para os leitores do blog) é mesmo a duração da bateria. E a Nokia deve levar isso a sério, tanto que lançou um celular, o X1-00 , cuja bateria dura (segundo o fabricante) incríveis 61 dias. Está certo que deve ser sem usar, com tudo que é possível desligado, mas mesmo assim é um número que impressiona. Do mesmo modo que para mim a bateria (junto com o tamanho) é o ponto principal, para outros a conectividade ou multimidia é o essencial. Por isso não adianta tentar dizer à um heavy-user (aqueles que tem centenas de apps instal

Dica de programa: ScreenHunter

Imagem
Muitas vezes temos que enviar um email com uma tela de um determinado programa, seja um erro para a área de suporte ou algo que queremos compartilhar com os amigos. Em vez de simplesmente teclar PrintScreen e enviar uma figura imensa, que tal enviar apenas o necessário? Para isso eu uso o software ScreenHunter . É um programa leve, de fácil instalação que perimite selecionar uma área da tela para o PrintScreen. Tem uma configuração que acho interessante que é a possibilidade de jogar a imagem selecionada para o clipboard (área de transferência) e/ou gravar a imagem como BMP, GIF ou JPG. No site do desenvolvedor a versão atual é a 5. Entretanto eu utilizo a versão 4 que é mais leve mas não tem tantas opções. A versão 4 pode ser baixada aqui e aqui . Para quem utiliza o Windows XP, outra opção é o Snippy .

Tecnologia nos filmes

Alguns filmes, quando tentam mostrar algo mais tecnológico, conseguem me tirar do sério. Assisti um, já há um bom tempo, Inimigo do Estado , no qual uma câmera de vigilância filma um sujeito, o personagem vivido por Will Smith, andando com uma sacola (se não me engano de uma loja de lingerie - aliás foi uma cena muito boa essa da loja de lingerie) na mão. Corta a cena. Dentro de uma sala do FBI, CIA, NSA, [insira sua sigla de órgão governamental americano preferida aqui], David Coperfield um agente consegue a proeza de (você está sentado?) mostrar o conteúdo do interior da sacola! Sem falar em outros filmes, por sinal, inúmeros, que pegam uma imagem 320 x 200 pixels e transformam num poster gigante de altíssima definição, com todos os detalhes possíveis e imagináveis. Deve ser por isso que dizem que a ignorância é uma benção.