Um exemplo de phishing

Se você sabe o que é phishing nem precisa continuar a ler, mas se não sabe, é altamente recomendado que leia (vamos lá, são poucos parágrafos, eu prometo).

Na teoria, phishing é a tentativa de coletar dados pessoais (senha, login, número do cartão, etc). Na prática acontece assim: você acessa um site e uma página muito parecida com a original aparece para você. Só que ao contrário da original, essa página vai instalar um malware e vai passar informações pessoais suas ao "cara do mal". Quer ver um exemplo?

A página abaixo é uma página falsa.
Já essa próxima, é a real.
Repare que são muito parecidas. Se a pessoa está distraída, ou não conhece um pouco sobre o assunto, ela baixa o arquivo. 

No exemplo acima, se você tem um pouco de conhecimento, saberia que o link "www.lpcloudsvr203.com", NÃO é o link do update do Java: https://www.java.com/pt_BR/download/

Além disso, o nome do arquivo real é algo do tipo: "jre-7u51-windows-x64.exe", já o nome do arquivo falso é "java.exe".

Eu sei, não é fácil! O jeito é se informar, prestar muita atenção, e só clicar em links que confiáveis. E na dúvida, não instale nenhum suposto "plugin" ou "antivírus". Nem tente ver as novas fotos da sua atriz preferida nua - normalmente é fria!

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Netflix não mostra ícone de streaming

Concorrência com GO

Problema ao transferir arquivos grandes via FTP