Kasparov contra o mundo

Ao final do match disputado em 1996 contra o Deep Blue (supercomputador e um software criados pela IBM especialmente para jogar xadrez), Garry Kasparov declaroy que era o último humano campeão de xadrez. No ano seguinte, a previsão de Kasparov, se concretizou: Deep Blue venceu Kasparov e se tornou o primeiro computador a vencer um match com regras de tempos oficiais.

Mas essa derrota gerou uma grande polêmica, pois Kasparov acusou a IBM dizendo que jogadores humanos intervieram durante uma partida. Logicamente a IBM desmentiu. Kasparov pediu então os arquivos de log, mas a IBM não os forneceu. Por fim, Kasparav pediu um novo match mas a IBM não aceitou o desafio.



Não sou muito fã de teorias conspiratórias, mas acredito que Kasparov tenha razão (neste caso):

1. O mundo dos negócios é cruel. E curiosamente, após a vitória, as ações da IBM tiveram uma forte alta e a IBM faturou mais de US$ 500 milhões em publicidade.

2. Todos sabem que em informática 7 anos são uma eternidade. Imagine que em 2003, Kasparov empatou um match com o computador Deep Junior. Pois é, gafanhoto: 7 anos de novos hardwares e softwares e ao invés de ganhar de lavada, o Deep Junior, "só" empata! 

Dá para desconfiar, ou não!?


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Netflix não mostra ícone de streaming

Concorrência com GO

Problema ao transferir arquivos grandes via FTP