Kasparov contra o mundo

Ao final do match disputado em 1996 contra o Deep Blue (supercomputador e um software criados pela IBM especialmente para jogar xadrez), Garry Kasparov declaroy que era o último humano campeão de xadrez. No ano seguinte, a previsão de Kasparov, se concretizou: Deep Blue venceu Kasparov e se tornou o primeiro computador a vencer um match com regras de tempos oficiais.

Mas essa derrota gerou uma grande polêmica, pois Kasparov acusou a IBM dizendo que jogadores humanos intervieram durante uma partida. Logicamente a IBM desmentiu. Kasparov pediu então os arquivos de log, mas a IBM não os forneceu. Por fim, Kasparav pediu um novo match mas a IBM não aceitou o desafio.



Não sou muito fã de teorias conspiratórias, mas acredito que Kasparov tenha razão (neste caso):

1. O mundo dos negócios é cruel. E curiosamente, após a vitória, as ações da IBM tiveram uma forte alta e a IBM faturou mais de US$ 500 milhões em publicidade.

2. Todos sabem que em informática 7 anos são uma eternidade. Imagine que em 2003, Kasparov empatou um match com o computador Deep Junior. Pois é, gafanhoto: 7 anos de novos hardwares e softwares e ao invés de ganhar de lavada, o Deep Junior, "só" empata! 

Dá para desconfiar, ou não!?


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como aprender a programar

Netflix não mostra ícone de streaming

Google Hacking