Postagem em destaque

A incrível velocidade do Go

Imagem
Um dos motivos que gosto do Go (a linguagem de programação, não o jogo), é que ele é extremamente rápido. E não estou falando de utilizar goroutines pois aí é covardia. Estamos migrando um sistema de Coldfusion para Go e PHP e uma das rotinas insere um registro no banco de dados no início e outra no fim do processo. Pense como se fosse um log, mas um log específico para essa rotina. Dessa forma: 2023-05-18 17:45:03. 687     ... [processaImagem] Incorporando imagem 2023-05-18 17:45:03. 688     ... [processaImagem] Imagem incorporada Entre o inicio e o final do processamento levou 1ms. Até aí, tudo bem, se não fosse o fato dessa tabela ter o campo timestamp como parte da chave primária. Se reparar, o tempo é definido em milissegundos. Com o Coldfusion esse processo dura cerca de 20ms. Simplesmente migrando para Go, o tempo caiu muito, para menos de 1ms e assim, começou a dar erro de chave duplicada. A solução? Depende, sempre depende. No nosso contexto, a mais simples foi feita, pois nã

Livros digitais X livros de papel


Você já leu algum eBook? Eu comecei a ler eBooks no início dos anos 2000, li a triologia do Senhor dos Anéis em PDF e mais uns 20 ou 30 livros, que vão desde romances de Isaac Asimov até livros técnicos também em PDF. Senhor dos Anéis foi lido num monitor CRT, e por conta disso foi muito cansativo (só li porque tinha 2 horas de almoço e gastava apenas 15 minutos para almoçar). Mais tarde, com a chegada nos monitores LCD, ficou bem mais agradável ler os PDF no computador.

Há alguns meses resolvi testar a solução da Saraiva para livros digitais. Aí tive três decepções e pelo que li é comum a todas as livrarias:
1. O software de leitura, proprietário, não é bom. Complica mais do que ajuda.
2. A falta de títulos em português. É importante salientar, que além de poucos, são de qualidade duvidosa.
3. Preço. Acabo de fazer um teste: peguei o primeiro livro de informática que apareceu na listagem da Saraiva, Ciência da Computação, de J. Glenn Brookshear, R$ 97,60. Em uma rápida pesquisa no Google encontrei o livro de papel por R$ 92,90.

Atualmente, vejo apenas vantagem na economia de espaço e na praticidade de se levar vários livros numa viagem, por exemplo. Já se for um livro de referência, que é consultado várias vezes, o livro de papel leva grande vantagem.

De todo modo, acredito que ao aumentar o número de títulos em português e ao mesmo tempo diminuir o preço dos eBooks, a venda dos livros digitais deva sofrer um forte incremento, como já ocorre em outros países.

Comentários

  1. Nada como papel; podemos emprestar uns aos outros, trocar comentários e idéias sobre...etc. Nada como papel.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Netflix não mostra ícone de streaming

Google Hacking

FTP não funciona no PHP