Mais indícios de dependência de tecnologia

Já falei sobre os indícios de dependência de tecnologia, mas quando vi duas pesquisas (veja aqui e aqui) que falam que um grande número de pessoas leva o celular para o banheiro, me vi obrigado a voltar ao assunto, pois isso é muito aderente ao quarto indício: nunca se separe do seu gadget.

Apesar das pesquisas divergirem (e muito), imagino que o percentual de pessoas que levam o celular para o banheiro seja alto, uns 50% eu diria. Tem pessoas que olham isso para o lado negativo, acham nojento, etc. Eu prefiro ver o lado positivo da coisa: ficar olhando pros ladrilhos é um tempo perdido, então nada melhor que usá-lo nem que seja apenas para passar o tempo. Afinal, nada melhor que passar de fase enquanto estamos no banheiro, não? Ou ver o último capítulo de sua série favorita. Ou ver vídeos educativos...

Realmente eu não acho isso nada de mais (levar o celular para o banheiro). Pior é aquele não tem condições financeiras mas tem sempre o último modelo do iPhone. É que podemos considerar como o quinto* indício de dependência de tecnologia: "Manter seu gadget atualizado". Apesar de aparentemente ir contra o segundo indício (achar que o seu gadget é melhor que o dos outros), manter seu gadget atualizado é quase uma obrigação, é como se viesse uma cláusula no contrato:
"É imprescindível a troca deste aparelho após 3 (três) meses de uso ou 5 (cinco) mil teclas pressionadas ou 100 (cem) recargas da bateria, o que ocorrer primeiro". 
Só para informar: estou com o meu S3 há mais de um ano! Enfim, cada um sabe onde o calo aperta.

* Veja os outros indícios no artigo Indícios de dependência de tecnologia.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como aprender a programar

Netflix não mostra ícone de streaming

Google Hacking