Tesouro do Juventude

Estava conversando sobre enciclopédia (se você tem menos de 30 anos, pergunte a seus pais) com alguns colegas e lembrei de uma que eu tive: Tesouro da Juventude.
Passei muito tempo envolvido por aquelas páginas de papel couchê! Mesmo sendo uma obra dos anos 50 (se não me engano) havia muito o que ler: o livro dos Porquês, Contos, As Belas Ações.
Acho que li todos os 18 volumes. Duas vezes.

Comentários

  1. E a Barsa?... a Delta-Larousse?... e o Manual do Escoteiro Mirim?...

    ResponderExcluir
  2. Meu Deus, passei a minha juventude debruçada nesses livros maravilhosos,ficava deslumbrada de ver ilustrações tão bem feitas e priorosas. Infelizmente meu pai, sem eu saber se desfez da querida coleção. Hoje só me restam as lembranças. Abraços.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Como aprender a programar

Netflix não mostra ícone de streaming

Google Hacking