Vingadores, Homem de Ferro e... Jarvis!

Volto a falar sobre tecnologia (21/04/2011) que poderá vir a ser utilizada um dia, extraída dos filmes de ficção.
Homem de Ferro
Desta vez meu alvo é o tão falado Homem de Ferro, já que parece que foi o super-herói (da Marvel) que mais agradou até agora. Sabe quando veremos um exoesqueleto daquele em operação? Nunca!

O motivo é simples, como eu disse no outro post, não temos software que controle todo aquele hardware. No filme, o traje só foi possível por conta de uma alimentação de força incrível vindo do dispositivo Arc criado pelo próprio Tony Stark.

Vamos considerar que temos um dispositivo idêntico e que temos também a armadura. O que muitos esquecem é que a vedete principal, mas oculta, é o Jarvis (nome dado ao SO também desenvolvido por Tony Stark)!

Seria muito fácil sair voando e falar:

- Jarvis, invada os computadores da CIA e procure o paradeiro do Bin Laden!
- Um momento senhor. Aproveito para dizer que estamos em rota de colisão com o voo 666 a 15 mil pés de altitude, uma vez que tenho acesso ao controle de tráfego aéreo local.
- Muito bem Jarvis, vou parar no McDonald's para comer algo enquanto aguardo a localização.

Não podia falar de Vingadores sem citar a Viúva Negra!
E aí? A armadura é o de menos! Eu quero é um SO assim!!! Obviamente ele deve estar hospedado em computadores poderosos, por isso o Homem de Ferro apagou após enviar o míssil nuclear ao espaço no final dos Vingadores. Perdeu a conexão e ficou sem poder respirar ou sem um suplemento de oxigênio na armadura, sei lá...

Já pensou se o Jarvis se volta contra todo mundo?? Aí sim teríamos a Skynet!

Jarvis

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como aprender a programar

Netflix não mostra ícone de streaming

Google Hacking