Para quem nunca viu um

Lendo uma matéria, descobri que as máquinas de escrever vão deixar de ser fabricadas. Ano passado foi a vez da Sony informar que iria parar de fabricar disquetes.

Máquina de escrever
Disquetes 1.44"



Tá, e daí!? Calma, gafanhoto. Daí, que muita gente nunca viu (quanto mais utilizou) tanto um quanto outro. E as fitas VHS? Alguém sabe se ainda são locadas? Lembro que existia até um rebobinador para rebobinar (dã) as fitas antes de devolvê-las à locadora.

Fita VHS
Rebobinador
Outro ícone dos anos 80/90 foi a fita cassete. Meu primeiro computador foi um TK 2000, com o chip 6502 da Motorola, com incríveis 64 K (isso mesmo, Kbytes) de RAM, mas que descontando a memória de vídeo e do S.O., acho que sobravam uns 35 K. Para ganhar espaço, programava em Assembler ou até mesmo em linguagem de máquina. O meio de armazenagem era  fita cassete. Não era fácil acertar o volume e os graves e agudos (quando tinha) para carregar um programa. Às vezes perdia-se muito tempo nisso. Mas o melhor deixei pro final: cheguei a baixar um programa de uma rádio que transmitia software via FM (se não me engano, era todo domingo pela manhã, das 10h às 11h).
TK 2000
Fita cassete

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Netflix não mostra ícone de streaming

Concorrência com GO

Problema ao transferir arquivos grandes via FTP