Artigo 11 - Leis e mais leis...

(Publicado originalmente entre 1994/95)

Como toda a nossa vida, a informática também é regida por leis. Principalmente, pelas leis de Murphy, que na essência dizem que se existe alguma chance de ocorrer um erro, este erro ocorrerá e provalvelmente no pior momento possível. Até Bill Gates sentiu na pele o poder das leis de Murphy. Ao demonstrar o Windows 98, ocorreu um GPF (General Protection Failure – Falha Geral de Proteção), que colocou o homem mais rico do mundo numa posição constrangedora. Veja a seguir, as leis de Murphy:

1. Se alguma coisa pode dar errado, irá dar errado
2. Nada é tão simples quanto parece
3. Tudo demora mais do que você pensa
4. Se existe a possibilidade de muitas coisas darem errado, a que causar mais estragos será a primeira a ocorrer
5. Quando você for fazer alguma coisa, alguma outra coisa deveria ter sido feita antes
6. Cada solução cria novos problemas
7. É impossível fazer alguma coisa à prova de tolos porque os tolos são engenhosos
8. A natureza sempre está ao lado de uma tempestade oculta
9. Deixando de lado, as coisas que tendem a ficar pior do que estão

Além dessas, também outro conjunto de leis se encaixa como uma luva no dia-a-dia do profissional de informática, são as leis da programação:

1. Qualquer programa, quando funcionando está obsoleto
2. Qualquer programa custa e faz mais a cada vez que é executado
3. Se um programa é útil, ele tem que ser mudado
4. Se um programa é ultrapassado, ele teria que ser arquivado
5. Qualquer programa irá ocupar toda memória disponível
6. O valor de um programa é inversamente proporcional ao peso de sua saída
7. A complexidade de um programa cresce até exceder a capacidade do programador

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como aprender a programar

Netflix não mostra ícone de streaming

Google Hacking