Artigo 7 - Quanto vale a informação?

(Publicado originalmente entre 1994/95)

Seu Benjamim é o proprietário de uma imobiliária. Um dia, ao ligar o seu micro de manhã aparece uma mensagem dizendo que o sistema operacional não foi encontrado. Seu Benjamim, um homem esperto, chama seu filho André - que esta fazendo um cursinho de informática. André olha o micro, tenta diversas vezes ligá-lo, e não consegue - também pudera, o seu curso começou só há seis meses. Subitamente, seu Benjamim lembra que amanhã é dia 5, dia de emitir os recibos para os inquilinos. Desesperado, pega o micro (inclusive cabos, caixas de som, disquetes, teclado, impressora, scanner, câmera digital e modem externo). Na assistência técnica, passa diversos clientes que chegaram antes para trás. Afinal o seu caso de vida ou morte. Finalmente consegue falar com o técnico: "Não consigo acessar os dados dos contratos de locação e tenho que emitir os recibos até amanhã.". Quando o técnico pergunta sobre o backup, responde: "Bê, o quê?". A emissão dos recibos é o menor dos problemas de seu Benjamim, que ainda não percebeu que talvez tenha perdido todos os dados de computador, como os dados referentes aos aluguéis em atraso e aos valores e datas dos contratos, além de valores de repasse aos proprietários, endereços de inquilinos e proprietários, número da conta, agência e banco do proprietário, etc. Agora pergunto: toda essa informação perdida, todo esse transtorno, não vale mais do que R$ 500,00?

Com R$ 500,00, qualquer empresa de pequeno ou médio porte, pode ter um esquema de backup eficiente. Você pode adquirir um Zip Drive (com discos de 100MB); ou um outro disco rígido e colocá-lo em uma gaveta e depois de fazer o backup, levá-lo para casa ou outro lugar seguro qualquer; ou se a empresa possuir uma rede de micros pode colocar o novo disco rígido para que todos os terminais possam usá-lo para backup. Programas de backup podem ser encontrados por pequenos preços ou até mesmo de graça em diversos sites da Internet (www.tucows.com, www.freeware32.com, www.shareware.com).

O micro de seu Benjamim foi atacado por um vírus que apagou todos os programas do sistema operacional e assim ele não podia inicializar o seu computador. Mas o vírus poderia ter apagado todos os dados da imobiliária, que sem backup, não poderiam ser recuperados. Desta vez, seu Benjamim teve sorte, mas e na próxima? Por falar nisso você já fez o seu backup hoje?

Esta é uma obra de ficção. Qualquer semelhança terá sido mera coincidência.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como aprender a programar

Netflix não mostra ícone de streaming

Google Hacking