Artigo 16 - Jogos de computador

(Publicado originalmente entre 1994/95)

Durante o curto espaço de tempo que o jogo para computador chamado Carmagedon esteve à venda, foi um dos mais vendidos, mas infelizmente ganhou uma aposentadoria precoce. Motivo: alegou-se que o jogo estimula a violência no trânsito.

O jogo é uma corrida de carros, onde você tem um limite de tempo e um percurso pré-estabelecido. O que difere de outros jogos é que você pode fazer praticamente qualquer coisa: cortar caminho, atropelar pedestres, destruir os seus concorrentes, ou melhor, inimigos. Cada ação dessas é recompensada por bônus no tempo ou em dinheiro, que você usa para arrumar o seu carro, afinal bater nos inimigos estraga o seu carro!

Na verdade, o jogo não é nenhum conto de fadas, mas o ato de proibir a sua venda é talvez mais violento do que o próprio jogo. Carmagedon vem (vinha) com um aviso de que é recomendado para maiores de 21 anos – alguém já viu um aviso desses em alguma fita de vídeo dos filmes das séries de Sexta-Feira 13 ou Pesadelo em Elm Street? Ah! Matar crianças inocentes com garras afiadas ou cortar as cabeças de um grupo de adolescentes não é violento. Ironicamente o jogo possui uma opção para trocar os pedestres humanos por robôs.

Se uma pessoa é tão perturbada mentalmente, a ponto de se deixar influenciar por um mísero jogo de computador como é que ela consegue tirar uma carteira de motorista? Além disso, provavelmente o jogo funciona mais para que as pessoas extravasem as tensões diárias. Enfim, o problema é que é mais fácil proibir o jogo do que combater o crime.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Netflix não mostra ícone de streaming

Concorrência com GO

Problema ao transferir arquivos grandes via FTP